Blog para Quem Ama a Verdade e não Defende a Mentira dos Americanos

Turista, onde fica esta foto?

Turista, onde fica esta foto?
Posso dizer que pertence a Portugal, que é uma zona bastante verde. com pessoas bastante acolhedoras.E que na net não encontram esta foto, porque ela é da minha autoria.

Adoro-vos Turistas e Leitores,por isso leiam tudo que vos deixo,que Deus Sagrado Ama-Me Muito

Meus adorados Leitores e Turistas e Seguidores, um Super e Bom Ano para todos vós, com Sucesso, Fé, Amor, Paz, Saúde, Alegria e Felicidade.

Eu escrevi-vos, no dia 01.01.11, por isso, digo-vos leiam, porque a informação deste blog, vai ser dada de um modo diferente, destes anos para cá.
Em 31 dias haverá 2 Páginas: 15 dias, e outros 15 dias a dividir toda a informação.

Leiam o que vos deixei no blog, no dia 01.01.2011.
Quero agradecer-vos pela vossa confiança, mas é aí que eu amo e adoro o meu ego, pois adoro ser verdadeira com as pessoas,e sincera e livre com a Diana a alteza, e ser como ela, pois tenho essa natureza humanitária e sensível, capaz de perceber tudo, neste mundo.

Infelizmente não vivemos num Mundo Justo, mas sim num mundo dos mentirosos e manipulador, e das pessoas que mais poder têm no mundo para destruir e mentir-vos, com Fundações Humanitárias que Nada São humanitárias mas sim fundações para engariar dinheiro para robots, máquinas, bombas atómicas e para pagar para a guerra que é o negócio mais poderoso dos ricos, matando católicos e culpando outro povo, sem ser quem está por trás, como fizeram ao Saddam, que matou, mas em pedido dos Americanos do Norte e reis e políticos. Esta 3ª Guerra Mundial, da Nova Era, vai surgir, leiam os "Protocolos de Sião", ou pesquisem.

Por isso vejam o que andam a fazer, pois Fundações Filantrópicas são fundações que os jornais americanos fazem a sua história e mentem ao mundo, como as pessoas que as têm, pois pensam em Tudo, menos dar vida às pessoas, mas sim matar os católicos, que essas fundações filantrópicas defendem o Diabo e não Deus.

Por isso a maior mentira deste século e de sempre. Por mim, foi descoberta este ano passado, fiquei triste ao saber que milhares de pessoas da Unicef, são assassinadas por essa empresa, como pela da AMI,como: Cruz Vermelha,mas sobretudo quem as gere, pois muitos milionários são hoje ricos neste Século e no outro pela Manipulação e Engano, que ruínam família só por causa do Poder e para ter dinheiro ou biliões para a Guerra e morte e mandam católicos para lá e oferecem muito dinheiro, para os matarem, e eles ficarem por lá. Por isso não se metam na Tropa, nem na Polícia, nem como Militares, trabalhem, menos aí, para vocês um dia se salvarem.

Não vejam programas como Big-Brother, novelas brasileiras da globo, nem apostem tanto nas casas da Misericórdia, nem vejam A casa dos Segredos, que é tudo só para vos prender e para obter dinheiro para a Guerra e vocês a darem indirectamente ao verem e ao jogarem. Por isso joguem sempre com outras pessoas e nunca muito.

O Site Leilões, o Hotel Hilton, são deles também, por isso cuidado onde deixam os vossos dados e contas e cartões.

Facebook se entrar na China, matará milhares de Chineses, pois esta rede e a mais perigosa, delas todas, por defender o Diabo e estar ao lado dos Mais Ricos que contam acabar com o Mundo e Católicos, vejam filmes da FEMA, pesquisem.


Vocês têm lá conta?

Cuidado, com o puxar toda a família e Amigos e dos que são muito ricos, pois os mais ricos dos vossos amigos e famíliares, são quem eles procuram para ter poder para um dia matar milhares de Católicos e convencer estes que são católicos, mas é mentira, pois o objectivo e deixar sem nada e perderem o controlo e o Poder, e ele-vos sem nada para não conseguirem depois fazerem-lhes frente e nem para ajudar quem precisa e que não vos enganará, pois o que eles querem agora é arruinar as pessoas, como fizeram ao Michael Jackson e estão a fazer ao Assange.
Em Barcelos abriram lojas, e fingem ser católicas, pois o objectivo é atingir as 95 freguesias e os políticos e tê-los no Grupo e deixarem depois o povo, sem nada e essas pessoas que vivem com algum poder, darem a eles para depois eles matarem-nos e dizerem que é dinheiro para boas acções quando é tudo menos para isso, mas para arruinar o povo e matar milhares de Católicos.
Católicos como eu, por isso acordem, que eu estou a despertar-vos e este ano em Guimarães e Bragança, vão abrir mais.
Não entrem em Lojas que se dizem reigiosas, pois são tudo menos, religiosas.
Acreditem sempre em Deus, que ele dá-vos tudo e ajuda-vos, que eu sou um elemento que vos alerto.


Já leram a "Mensagem de Natal para Não fazerem Donativos"?

Pesquisem esse título e podem encontrar informação, que vos abra os olhos.
Leiam as notícias que vos revelo em 2011.
Adoro-vos, mas este ano ando repleta de trabalhos e exames e muito mais, por isso, se não vos actualizar ou falhar alguma vez, não se admirem, é o meu cansaço excessivo, mas com gosto, pelo menos.

Bom Ano para Todos.

Espero que gostem da Música do Michael Jackson, pois é a minha música favorita desde Criança, e diz uma parte daquilo que eu amo, como a Música: Cry, deste cantor,por isso ouçam-na bem que representa os dias de Hoje e foi mais uma mensagem do Michael Jackson.

Bom Ano, e sorriam expontâneamente, que Deus pede-vos isso, e amem-se por serem Pursos, pois quem não é, são pessoas secretas.

Boa Estada e uma Excelente Viagem neste blog, ahahah.

Mas sério, Façam Boas Férias e façam Boas Viagens.
Bom Ano 2011, e não se esqueçam leiam o blog e mensagem que vos recomendo.
Muito Obrigado a todos,
Lénia



Aos Meus Leitores Queridos e que me visitam: Reveillon 2010/2011

Este ano, os Dados do Reveillon ou Passagem de Ano 2010/11, serão todos revelados numa das notícias mais lidas, que foi em Setembro 2010 que meti.
Por isso mesmo em Novembro e Dezembro, tudo que refere ao Natal e Reveillon, 2010/11 quer dos Operadores Turísticos como aos Grupos Hoteleiros este ano 2010/2011, vão ficar na mesma página para vos facilitar a vida e ajudar-vos a não se perderem tanto.

Pois todos os meus blogs são com esse objectivo, ajudar-vos sempre, pois assim é a minha natureza.

Não meto nunca nenhuma religião como obstáculo de travar contacto comigo nem cor, nem sou preconceituosa em nada.
Por isso espero que gostem do aviso e bom trabalho para todos e boas férias e boas saídas e entradas.
Muito obrigado pela vossa atenção,
Lénia
16-11-2010

Heal The World- Michael Jackson, My favorite music the Michael Jackson/ MJ+Diana+Assange=Deus Divino

domingo, 31 de outubro de 2010

António Lobo Antunes: "Nunca terei tempo para escrever o que queria" editou "Sôbolos rios que vão",Comprem o Livro desde de agora

Rádio Renascença: Rádio Renascença: "Nunca terei tempo para escrever o que queria"
António Lobo Antunes acaba de editar "Sôbolos rios que vão", “um grande romance de micro-afectos abstractos”, mas palavras de José Gil.

António Lobo Antunes acaba de editar "Sôbolos rios que vão", “um grande romance de micro-afectos abstractos”, mas palavras de José Gil.



fonte: site da RR

"Sôbolos rios que vão" é o título da obra que reflecte sobre a vida. O narrador, tal como António Lobo Antunes, viveu a ameaça da morte por cancro e usa a situação para recuperar fragmentos da sua vida. A obra, que tem um titulo que vai beber inspiração a um verso de Camões, foi apresentada esta noite no Museu da Água, em Lisboa.


No final da apresentação, Lobo Antunes pediu desculpas. Não tinha tempo para dar autógrafos. Queria voltar rapidamente para as páginas do seu próximo livro e a uma das personagens, uma rapariga de cinco anos.


Para já, ao leitor oferece "Sôbolos rios que vão", uma obra que tem como narrador um homem operado a um cancro e, que perante a ameaça da morte, recupera imagens da sua vida.


Lobo Antunes recusa a ideia de autobiografia, mas diz escrever para sobreviver: “Eu sei que vou morrer, mas tenho de trabalhar de maneira a que o meu trabalho fique e que os meus livros continuem a interpelar as pessoas”, frisa.


Servo da escrita, Lobo Antunes questiona-se se ainda terá tempo para passar para o papel tudo o que almeja.


“Sinto cada vez mais e de uma maneira que, por vezes, é dolorosa, que estou a negociar os meus livros com a morte, mas isso sinto desde o princípio, que nunca terei tempo para escrever o que queria”, sublinha.


Lobo Antunes escreve porque quer dizer e acha que os livros são um diálogo com o leitor. Critica a dificuldade que novos autores enfrentam para publicarem o primeiro livro e lamenta a forma como os grandes escritores são tratados.


A apresentação do livro decorreu no Museu da Água, em Lisboa, e ficou a cargo de José Gil. Para o pensador, "Sôbolos rios que vão é, mesmo que não pareça, um grande romance de micro-afectos abstractos, por isso também a sua leitura nos afecta tanto”.




Rádio Renascença (site)




publicado por José Alexandre Ramos | 23:27 0 comentários Enviar a mensagem por e-mail Dê a sua opinião! Partilhar no Twitter Partilhar no Facebook Partilhar no Google Buzz
tópico: Eventos 2010, Lançamentos, Notícias
interessa-me:

Sol: 'Sôbolos Rios Que Vão', de António Lobo Antunes, apresentado por José Gil
O filósofo José Gil classificou hoje o mais recente romance de António Lobo Antunes, 'Sôbolos Rios Que Vão', como «um grande livro, com muitos aspetos insólitos e inéditos na escrita do autor».



fonte: SOL
«É uma obra torrencial e uma das mais belas de Lobo Antunes», disse José Gil, no Museu da Água, em Lisboa, na sessão de apresentação do livro, editado pela Dom Quixote, que contou com a presença do autor.


O pensador começou por falar da «máquina literária de António Lobo Antunes», que tem como principais características «o tempo da escrita», composto por várias camadas de planos, dispostos em frases curtas e discurso directo, e o «entretecer desses planos sem que daí resulte uma narrativa linear», já que «a narrativa seria, afinal, a corrente de escrita ou o pensamento mesmo».


Essa máquina literária «funciona em pleno em 'Sôbolos Rios Que Vão'», defendeu José Gil, já que «neste romance quase parece, às vezes, que se urde uma trama», da qual «a espera e não espera da morte será porventura o traço mais evidente».


Trata-se do mais autobiográfico dos livros do escritor, cujo narrador - designado como 'Antoninho' e 'Senhor Antunes' - recupera, após uma operação a um tumor no intestino e num estado entre o torpor e a dor, fragmentos da sua vida, recordando pessoas que a atravessaram e conduzindo os leitores, como que por um rio, pelas humilhações da doença, numa reflexão sobre a vida e a morte.
Porque «a doença paira sobre tudo o que se diz», José Gil caracterizou o livro de Lobo Antunes como «uma meditação sobre a morte» e «uma paródia de tal meditação», com «cenas de humor que atingem a desmesura».


«É certamente um imenso romance, faz-nos entrar num tipo de experiência não comum (.) e é, mesmo que não pareça, um grande romance de micro-afectos abstractos», observou.


António Lobo Antunes comoveu-se com as palavras de José Gil - a quem agradeceu o facto de o «ter lido de peito aberto, que é a única maneira de se ler» - e falou da infância, da vontade que já tinha de escrever, das coisas más que escrevia e queimava depois em «pequenos autos de fé» no quintal e de não saber ainda que com trabalho poderia melhorar.


«A gente não escreve porque tem coisas para dizer, a gente escreve porque quer escrever. E comecei a perceber que o que se quer escrever é aquilo que se perdeu», sublinhou.


O que queria era «que os livros fossem um diálogo permanente entre o texto e o público», porque, «muitas vezes, um livro é mais uma orelha do que uma voz», afirmou, citando, a propósito, Paul Celan, que escreveu: «Sou mais eu quando sou tu».
Voltando a um tema recorrente, Lobo Antunes disse que sente«desde sempre, desde o princípio», que está «a negociar os livros com a morte».


«Nunca vou ter tempo para escrever tudo o que queria (.). A sensação que tenho é que somos intermediários entre duas instâncias que nos excedem, que nos ultrapassam, que não entendemos. Eu sei que vou morrer, mas tenho de continuar a trabalhar, para que o meu trabalho fique e os meus livros continuem a interpelar as pessoas», frisou.


Sol/Lusa


Semanário Sol

Sem comentários: